Penal

[Direito Penal][bleft]

Consumidor

[Direito do Consumidor][bsummary]

Diversos

[Comemoração][twocolumns]

Geral

[Conhecimentos gerais][bleft]

Usuários do Facebook tiveram seus dados vazados

Atualmente grande parte da sociedade vive conectada 24 horas à Internet, um grande atrativo são as redes sociais que facilitam a aproximação com pessoas do mundo inteiro, isto é bom, contudo devemos tomar precauções quanto ao uso de nossos dados e informações pessoais, ao criar um Perfil na rede social Facebook por exemplo, é solicitado informações verídicas sobre a pessoa de modo obrigatório, isto também é bom para evitar Perfis Fakes (termo usado para denominar contas ou perfis usados na Internet para ocultar a identidade real de um usuário). 

Ocorre que a rede social acaba armazenado suas informações e após a conta criada são ofertados inúmeros campos para continuar inserindo suas informações como telefone, endereço e outros, acontece que o Facebook possui uma politica de segurança de dados até então segura, contudo existem aplicativos que não são necessariamente da empresa Facebook e sim de terceiros que podem ter acesso aos dados pessoais armazenados na rede social, sabe aquela postagem que você encontra "descubra como você ficaria se fosse..." ao clicar o aplicativo acessa suas informações e não se sabe ao certo o que ele armazena, isto é muito perigoso.


Conforme publicação da revista Veja:

No Brasil, 443.000 brasileiros tiveram seus dados do Facebook vazados – o país está na 8ª colocação entre os 10 países com mais usuários afetados. Nos Estados Unidos, mais de 70 milhões de pessoas tiveram os dados expostos. O país foi seguido por Filipinas (1,17 milhão) e Indonésia (1,09 milhão).

O relato é que o Facebook já suspendeu cerca de 200 aplicativos e serviços que coletam grandes quantidades de informação de usuários, contudo é necessário que o usuário tenha precauções ao utilizar a redes sociais, jamais inserir todas as informações e detalhes pessoais, salvo aplicativo de banco e serviços que exigem sendo de desenvolvedores confiáveis, nunca se cadastrar em redes sociais usando CPF, RG e evitar ao máximo compartilhar informações com aplicativos ou correntes que acessam suas informações.

Após a divulgação do vazamento das informações dos usuários e da falta de privacidade, o Facebook anunciou mudanças na rede social:

“Acreditamos que essas mudanças protegerão melhor as informações das pessoas e, ao mesmo tempo, permitirão que os desenvolvedores criem experiências úteis”, disse o diretor-executivo de Tecnologia do Facebook, Mike Schroepfer em postagem do Facebook.

Não vejo riscos extremos para quem sabe utilizar a rede social, tendo precaução e seguindo as dicas acima não existe problema, ao perceber qualquer atividade suspeita vá em configurações e remova o aplicativo, altere sua senha e compartilhe apenas coisas construtivas.

Nenhum comentário:

• Os comentários são exclusivamente de responsabilidade de seus criadores (sujeito a aprovação antes de ser publicado).
• Não esqueça de marcar "Notifique-me" para ser notificado(a) quando seu comentário for respondido.